A Escola da Magistratura do Estado de Rondônia (Emeron) promoveu no último fim de semana e nesta segunda e terça-feira o quarto módulo da Formação em Constelações Familiares para Magistrados e Servidores do Poder Judiciário de Rondônia. O módulo, último a ser realizado neste ano, teve como tema “Casais: Laços que unem, laços que separam” e foi ministrado pela consteladora espanhola Antonia del Castillo.

No módulo, os alunos conheceram os conceitos de relacionamento a partir da perspectiva da constelação familiar. Antonia explica que “o primeiro relacionamento de qualquer pessoa é com seus pais. É com eles que ela aprende como se relacionar com os demais, inclusive amorosamente, pois é a partir da visão que ela tem do relacionamento de seus pais que se formam as crenças que podem perdurar por toda a vida”.

Para Fabiana Pereira, servidora da Emeron, ao abordar temas como o relacionamento, o curso permite uma reflexão profunda sobre a vida como um todo. “O módulo foi de extrema relevância, uma vez que quando a base familiar está tranquila e saudável, e você não possui conflitos internos, é possível seguir a vida de forma mais tranquila”.

Utilizando dinâmicas vivenciais e práticas meditativas, Antonia conduziu os participantes a refletirem sobre as crenças que carregam a respeito dos relacionamentos e como essas crenças podem trazer consequências negativas para uma relação, a exemplo do ciúme, da dificuldade de manter relacionamentos por longos períodos ou da não aceitação da família do(a) parceira(a). “Dentro desse tema, um ponto que achei muito importante é internalizar que algumas crenças, como a posse, nos adoecem e que precisamos ter a compreensão de que os relacionamentos devem existir para somar à nossa vida e que precisamos nos sentir livres para termos uma boa relação. Me tocou bastante a professora trabalhar com mini constelações, proporcionando que todos trabalhassem suas questões. O retorno disso, foi a entrega total dos colegas”, conclui Fabiana.

Com a realização deste módulo, a formação chega a sua metade. Outros quatro encontros estão previstos para 2020. A formação será retomada em março do ano que vem abordando “Saúde e doença e as relações destas com as Ordens do Amor”.

Fonte: Assessoria de Comunicação - Ascom

Permitida a reprodução mediante citação da fonte

Acompanhe-nos nas redes sociais: twitter.com/emeron_rondonia e facebook.com/EmeronRO

Poder Judiciário de Rondônia
Escola da Magistratura
Rua Tabajara, 834. Bairro Olaria. CEP 76.801-316
emeron@tjro.jus.br
(69)3217-1066