Em clima de solidariedade natalina, a Escola da Magistratura do Estado de Rondônia (Emeron) realiza nesta sexta-feira, 7, a partir das 15h, a primeira entrega dos donativos arrecadados para a campanha Saber Solidário, destinada ao Aconchego da Vó Maria, casa que cuida de mais de 100 crianças carentes na zona leste de Porto Velho.

A campanha, que surgiu por iniciativa dos servidores da Emeron e aproveita o intenso fluxo de pessoas diariamente na instituição de ensino para participar de capacitações, iniciou no dia 5 de novembro e continua até 14 de dezembro. Servidores e magistrados ainda podem depositar suas doações na caixa instalada na recepção. São solicitados produtos de higiene pessoal (sabonete, creme dental, escova de dente, shampoo), brinquedos e roupas infanto-juvenis novos ou usados, em bom estado de conservação.

Tudo o que for arrecadado será destinado à festa de Natal que será realizada pelo Aconchego da Vó Maria às 115 crianças e adolescentes carentes acolhidos por Maria da Conceição Gomes, ou Vó Maria, como é chamada por eles. Há 18 anos, ela cuida de crianças e adolescentes da região em que vive, o bairro Lagoa, na capital, que passam todo o dia no Aconchego e às vezes ficam também à noite, para que os pais ou responsáveis possam trabalhar e/ou estudar.

No local, são alimentados, levados à escola e recebem reforço escolar. Atividades recreativas incluem assistir a desenhos animados e teatrinho infantil. As despesas são custeadas com doações e com o dinheiro arrecadado em um brechó realizado todos os sábados na própria creche. Já as funções são desempenhadas voluntariamente por vizinhos e pela família de Vó Maria. 

Ela conta que, além das crianças que acolhe, tem 13 filhos adotados. “Nasci em uma família bem pobre, cortei seringa e fiz carvão para ajudar os meus pais, porque era pobreza total, não tínhamos nada”, lembra. Religiosa, à medida que conseguiu construir a casa, começou a cumprir a promessa que havia feito de ajudar as pessoas que precisassem: “Comecei com cinco, depois dez, vinte crianças. O meu objetivo é a felicidade de cada uma delas”.

 

As crianças escrevem o que desejam para este Natal em pedidos para o Papai Noel, colocados em uma “Árvore de Sonhos”, na entrada do Aconchego. Vó Maria faz o possível para realizá-los, seja por meio da reciclagem de latas de alumínio ou apenas dando colo para os mais novos, e garante que é feliz todos os dias. “Nenhum dia da minha vida eu fui infeliz, tenho fibromialgia, mas acordo feliz e vou dormir feliz, ninguém nem sabe se estou com dor porque não deixo eles perceberem”.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação – Emeron

Permitida a reprodução mediante citação da fonte Ascom/Emeron

Acompanhe-nos nas redes sociais: twitter.com/emeron_rondonia e facebook.com/EmeronRO

Poder Judiciário de Rondônia
Escola da Magistratura
Rua Tabajara, 834. Bairro Olaria. CEP 76.801-316
emeron@tjro.jus.br
(69)3217-1066