Na noite de ontem (11), a Escola da Magistratura de Rondônia (Emeron) deu início a mais um ano letivo da Especialização em Direito para a Carreira da Magistratura (EDCM), curso que visa a identificação e preparação de vocacionados para a magistratura. Simultaneamente em Porto Velho e Ji-Paraná, professores e alunos participaram das aulas magnas com palestras do Diretor da Emeron, Desembargador Marcos Alaor Diniz Grangeia, e do Juiz Rinaldo Forti, respectivamente.

Na Capital, em alusão à missão do curso, “Magistratura: desafio e vocação” foi o tema abordado pelo Diretor em sua palestra. Marcos Alaor discutiu a vocação como fator para a transformação do judiciário, a partir de magistrados vocacionados, que atuem de maneira mais humana e próxima da sociedade. “Magistratura não é emprego, é uma carreira a ser seguida por vocacionados”, afirmou.

Sobre o recrutamento de juízes, o palestrante afirmou que é preciso um novo modelo baseado em contraponto ao atual concurso. “O que precisamos e é o que estamos fazendo aqui na Escola da Magistratura, é qualificar pessoas para serem futuros magistrados a partir daquilo que o Poder Judiciário necessita e não daquilo que os concursos exigem, que é um teste de memorização”.

Para Marcos Alaor, esse paradigma precisa ser substituído pela busca de vocacionados, que tenham o conhecimento técnico, mas também as características humanísticas e sociais inerentes ao cargo. O novo perfil é necessário diante do atual cenário do judiciário em que o juiz deixou de ser apenas cumpridor de lei para ditar políticas públicas, por meio de decisões judiciais em casos, por vezes, não previstos nos códigos ou cujas legislações são fluídicas ou lacunosas. “Só existe um lugar de salvação para a magistratura: estar próximo da população, do jurisdicionado, daquele para quem o nosso trabalho é direcionado”, concluiu.

Finalizando a palestra, o magistrado destacou os diferenciais do curso, dentre eles o corpo docente, formado majoritariamente por juízes do Tribunal de Justiça, que compartilham suas experiências na profissão. O Diretor ressaltou ainda a qualificação dos professores, que possuem, em sua maioria, titulação de mestres e doutores.

Finalizada a palestra, professores e alunos participaram de um coquetel em que puderam iniciar as primeiras relações que serão desenvolvidas ao longo do ano letivo.

Ji-Paraná

O Juiz Rinaldo Forti, ex-aluno do Curso de Preparação para a Carreira da Magistratura, hoje EDCM, ministrou a Aula Magna, compartilhando sua trajetória com a Emeron enquanto aluno até os dias atuais, em que faz parte do Conselho Superior.

O curso também foi apresentado, com destaque para a utilização de metodologias ativas de ensino, em que o aluno é inserido na temática que está aprendendo, e nos projetos de extensão, a exemplo do Justiça na Escola, em que os pós-graduandos ministram palestras em escolas públicas reafirmando e compartilhando o conhecimento construído em sala de aula.

A aula foi encerrada com uma dinâmica para integração dos alunos e professores presentes.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Emeron

Permitida a reprodução mediante citação da fonte Ascom/Emeron

Acompanhe-nos nas redes sociais: twitter.com/emeron_rondonia e facebook.com/EmeronRO

Poder Judiciário de Rondônia
Escola da Magistratura
Rua Tabajara, 834. Bairro Olaria. CEP 76.801-316
emeron@tjro.jus.br
(69)3217-1066