“Povos indígenas, Estado e Direito(s) no Brasil: Uma visão antropológica” será o tema do II Seminário Acadêmico do curso de do Mestrado Interdisciplinar em Direitos Humanos e Desenvolvimento da Justiça (DHJUS), promovido pela Escola da Magistratura do Estado de Rondônia (EMERON), em parceria com a Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR).

O evento acontecerá na noite do dia 13 de setembro, das 19h às 22h, no Auditório do Ministério Público Estadual e tem por objetivo propor o debate sobre a problemática dos direitos humanos e acesso à justiça dos povos indígenas no Brasil, a partir da ótica da Antropologia e partindo da análise das políticas indigenistas implementadas no país.

A palestra será ministrada pelo Pós Doutor em Antropologia Cristhian Teófilo da Silva, que atualmente realiza pesquisas comparadas sobre políticas indigenistas e problemas sociais em terras e reservas indígenas no Brasil e Canadá, seguida por debates mediados pelos professores doutores Estevão Rafael Fernandes e Daniele Severo da Silva.

O seminário é aberto ao público e gratuito e oferece 180 vagas. Os participantes receberão certificados de 3 h/a. As inscrições devem ser feitas até o dia 12 de setembro no menu Inscrições no Portal da Emeron ou pelo site http://www.dhjus.unir.br/. Caso haja o preenchimento do número de vagas antes do prazo, estas serão automaticamente suspensas.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Emeron

Permitida a reprodução mediante citação da fonte Ascom/Emeron

Acompanhe-nos nas redes sociais: twitter.com/emeron_rondoniafacebook.com/EmeronRO

Poder Judiciário de Rondônia
Escola da Magistratura
Av. Rogério Weber, 1872, Centro. CEP 76801-906
emeron@tjro.jus.br
(69)3309-6440